Saque do FGTS: Quais são as formas de receber o benefício em 2021?

Durante a pandemia do Coronavírus, que acabou assolando todo o mundo, e principalmente o Brasil, foi feita a autorização do saque emergencial do FGTS – Conhecido comumente como Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, para os trabalhadores que não tinham sido demitidos.

Essa foi uma das principais medidas adotadas pelo Governo Federal para que os danos e estragos causados pela pandemia fossem amenizados. Mas, você sabia que para o ano de 2021 está previsto um novo saque do FGTS? Veja aqui informações completas sobre o que esperar e fique por dentro se você será uma pessoa que poderá receber o mesmo.

É importante destacar que poderá ser feito demais saques no FGTS, mesmo que se esteja trabalhando de forma normal.

Como funciona o saque do FGTS?

Como funciona o saque do FGTS?

O FGTS é uma criação desenvolvida pelo Governo Federal para que o trabalhador possua uma reserva em dinheiro no caso de ser demitido. Funciona assim: a empresa contratante realiza o depósito mensal de 8% do salário, sendo que essa porcentagem não pode ser descontada do salário.

As pessoas que possuem direito ao FGTS são os trabalhadores que são demitidos sem justa causa, tudo por meio de uma conta ativa, seja do emprego atual ou de uma conta inativa, correspondente a empregos anteriores.

Quais são as formas de saque do FGTS em 2021?

Quer saber quais são as formas mais comuns de saque existentes quando o assunto é o FGTS 2021? Veja abaixo e fique por dentro.

1 – Saque FGTS emergencial 2021

Modalidade que começou a existir logo no ano de 2020, diante da pandemia do coronavírus. Aqueles trabalhadores que tinham saldo ativo em suas contas também ativas, ou seja, tanto correspondente a empregos atuais ou de anterior, puderam fazer o saque de R$1045 até o dia 31 de dezembro do ano de 2020.

Já no ano de 2021, os trabalhadores têm o direito de receber até R$1.100,00 do FGTS.

2 – Saque aniversário do FGTS

Quando falamos sobre esta modalidade, os trabalhadores têm a chance de fazer o saque de forma anual de uma parte do dinheiro que está guardado no fundo. Já para quem aderiu ao saque de aniversário, não será possível sacar o valor de forma integral dos depósitos, quando o caso for de demissão.

Neste caso, o trabalhador receberá uma multa rescisória de 40% diante de todos os valores que foram depositados pelo último empregador, principalmente no caso de desligamento sem nenhum tipo de justa causa.

Assim, o trabalhador só pode sacar apenas uma parte da porcentagem de seu dinheiro, indo de acordo com o seu saldo.

Como será o saque aniversário do FGTS no ano de 2021

Veja abaixo como será feita a distribuição do saque de aniversário do FGTS no ano de 2021. Fique por dentro:

  • Para os nascidos em janeiro- saques disponíveis entre janeiro a março;
  • Para os nascidos em fevereiro – saques disponíveis entre fevereiro a abril;
  • Para os nascidos em março – saques disponíveis entre março a maio;
  • Para os nascidos em abril – saques disponíveis entre abril a junho;
  • Para os nascidos em maio – saques disponíveis entre maio a julho;
  • Para os nascidos em junho – saques disponíveis entre junho a agosto;
  • Para os nascidos em julho – saques disponíveis entre julho a setembro;
  • Para os nascidos em agosto – saques disponíveis entre agosto a outubro;
  • Para os nascidos em setembro – saques disponíveis entre setembro a novembro;
  • Para os nascidos em outubro – saques disponíveis entre outubro a dezembro;
  • Para os nascidos em novembro – saques disponíveis entre novembro de 2021 a janeiro de 2022;
  • Para os nascidos em dezembro – saques disponíveis entre dezembro de 2021 a fevereiro de 2022.

Como funciona o saque da rescisão?

Esta modalidade foi desenvolvida com a principal finalidade de proteger o trabalhador que foi demitido sem justa causa. Os saques são liberados nos casos descritos abaixo:

  • Em caso de aposentadoria via INSS;
  • Em caso da compra da casa própria;
  • Em caso de demissão sem justa causa;
  • Em caso de rescisão por acordo;
  • Em caso de morte do patrão e fechamento da empresa;
  • No caso de término do contrato de trabalhador temporário;
  • Quando se tem idade igual ou superior a 70 anos;
  • Por fim, em casos de doenças graves (como Aids ou câncer).

Para fazer a solicitação do resgate, é necessário enviar toda a documentação que é pedida, segundo cada caso, diretamente no aplicativo do FGTS. Depois disso, é necessário fazer a indicação de qual conta será desejado para receber o dinheiro, e por fim, o valor estará disponível depois de cinco dias úteis.

Avatar
Jornalista formada pela PUCPR viciada em música de todos os tipos, livros e séries. Mestre em curiosidades inúteis, está sempre procurando fugir da rotina.

Deixe seu comentário