O que Estudar para o Enem? Conteúdo e Dicas!

Uma das provas mais esperadas em todos os anos, sem sombras de dúvidas é o Enem, conhecido como o Exame Nacional do Ensino Médio, do qual é feito uma média do aprendizado dos alunos de todo o Brasil.

Mas, por meio da nota obtida, o aluno amplia e muito suas chances de entrar em demais universidades de alto renome, sejam elas públicas ou privadas. Isso acontece porque essa prova serve como um filtro para selecionar os estudantes com as notas mais altas.

Veja abaixo o que você deve estudar para o Enem para conseguir uma boa nota, quais são os conteúdo cobrados dentro das principais matérias e muito mais. Fique por dentro.

O que Estudar para o Enem? Veja Aqui!

O que Estudar para o Enem? Veja Aqui!

Se preparar para conseguir estudar para o Enem é um dos primeiros passos para conseguir ir bem na prova, visto que dessa forma, você poderá focar naquilo que realmente importa, deixando de lado o conteúdo que pode apenas tomar seu tempo e disposição.

Muito conteúdo é abordado durante o ensino médio, porém nem todo ele é realmente abordado durante a prova, dessa forma, foque naquilo que realmente importa.

Ciências da Natureza

Física

Esses são os assuntos que costumam mais cair na prova:

  • Eletricidade;
  • Hidrostática;
  • Ondas;
  • Óptica;
  • Usinas / instalações residenciais;
  • Calorimetria;
  • Acústica;
  • Mecânica.

Química

  • Unidades de concentração;
  • Estequiometria;
  • pH e pOH;
  • Cadeias Carbônicas;
  • Radioatividade;
  • Soluções;
  • Oxidações;
  • Eletroquímica.

Biologia

  • Ecologia e Sustentabilidade, bem como problemas ambientais;
  • Evolução;
  • Imunização;
  • Genética e mutações;
  • Citologia;
  • Ciclos de carbono, nitrogênio e água.

Matemática

  • Porcentagem;
  • Razões e proporções;
  • Leitura e interpretação de gráficos;
  • Medidas para dados simples;
  • Prismas;
  • Regra de três.

Ciências Humanas

História do Brasil

  • Período Colonial;
  • República;
  • Período de escravidão;
  • Era Vargas;
  • Ditadura Militar;
  • Era populista.

História Geral

  • Período de Idade Média e Moderna;
  • Revolução industrial;
  • Primeira e Segunda Guerra Mundial;
  • Nazismo/Holocausto e Fascismo;
  • Liberalismo;
  • Guerra Fria.

Geografia

  • Agricultura Brasileira;
  • Impactos no meio ambiente;
  • Planos e blocos econômicos;
  • Geopolítica mundial;
  • Migrações;
  • Desenvolvimento humano e social.

Filosofia e Sociologia

  • Globalização e suas consequências;
  • Iluminismo;
  • Existencialismo;
  • Marxismo;
  • Contratualismo;
  • Relações de Trabalho;
  • Cultura de massa;
  • Movimentos sociais;
  • Fé e Razão: São Tomás e Santo Agostinho;
  • Pensadores da Grécia Antiga.

Linguagens

Literatura

  • Movimentos literários: barroco, quinhentismo, modernismo, naturalismo e realismo;
  • Obras literárias: principalmente clássicos brasileiros;
  • Figuras de linguagem;
  • Poesias Concretas;
  • Literatura Contemporânea.

Língua Portuguesa

  • Funções de linguagem e gramática;
  • Semântica;
  • Compreensão e interpretação de texto;
  • Norma culta e coloquial;
  • Morfologia;
  • Linguística;
  • Sintaxe;
  • Gêneros textuais.

Educação Física e Artes

  • Esportes;
  • Música;
  • Grafite;
  • Artes marciais;
  • Cubismo;
  • Obras artísticas;
  • Renascimento;
  • Movimentos artísticos e culturais.

Prova do Enem: Como é composta?

Além disso, agora que você já sabe quais são os conteúdos que mais costumam cair na prova do Enem, é interessante também saber sobre como a prova do Enem é composta:

  • São 180 questões e uma redação;
  • A prova é dividida em dois domingos de aplicação;
  • No primeiro dia, o aluno fará: redação, 45 questões de Linguagens e Códigos e 45 questões de ciências humanas;
  • No segundo dia, o aluno fará: 45 questões de ciências da natureza e 45 questões de matemática.

Dicas para estudar para o Enem 2021

1 – Mantenha-se atualizado sobre as notícias

Já não é novidade que na redação do Enem, questões polêmicas ou temáticas que tomaram a boca do povo no ano de 2020 com certeza terão destaque, como é o caso da pandemia do Covid-19.

Por isso, acompanhar os jornais e demais notícias é o primeiro passo para não se deparar com nenhuma surpresa na hora de começar a escrever. Saiba argumentar seu lado em determinado assunto e evite fugir do tema principal.

2 – Faça provas antigas

Outra dica importante e que é muito usada por demais estudantes é de refazer provas antigas. Procure as versões de 2019, 2018 e assim por diante, praticando as perguntas e respostas, verificando qual é o conteúdo que você tem mais dificuldade e que precisa de atenção na hora de resolver a mesma.

Além disso, é possível treinar a quantidade de tempo que você leva para concluir cada uma das perguntas, já calculando se conseguirá concluir a prova dentro do tempo pré determinado.

3 – Estude com calma

Muitas pessoas passam horas sentadas estudando sem nenhum tempo para descansar. Para muitas, esse é um formato que realmente funciona, enquanto para outras, pode ser muito cansativo e levar a exaustão.

Muitas vezes, é preciso fazer intervalos por entre o período de estudo, gerando uma “refrescância” para seu cérebro adquirir mais conteúdo.

Continue acompanhando nossas atualizações sobre o Enem e fique por dentro para tirar a maior nota possível na hora da prova.

Avatar
Jornalista formada pela PUCPR viciada em música de todos os tipos, livros e séries. Mestre em curiosidades inúteis, está sempre procurando fugir da rotina.

Deixe seu comentário