Meu INSS – Como usar? Para que serve? Consulta

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) atua na prestação de serviços de previdência social. Para facilitar o atendimento à população, o órgão criou o Meu INSS. Não sabe do que se trata? Então, confira aqui o que é, para que serve e como usá-lo.

O que é o Meu INSS?

Trata-se de uma plataforma de serviços online criada pelo INSS. Pode ser acessada via computador ou por celular (Android e iOS), por aplicativo, desde que haja conexão com a internet.

Para que serve o Meu INSS?

A plataforma tem como foco fornecer serviços típicos da agência do INSS, possibilitando que a população consiga realizá-los online, com muito mais praticidade e rapidez, sem enfrentar longas filas em postos de atendimento.

Boa parte dos serviços pode ser feita online, mas há alguns que demandam o comparecimento em uma agência. Em casos assim, o usuário consegue agendar o atendimento pela própria plataforma, o que otimiza o tempo de espera na agência.

Quais são os serviços do Meu INSS?

A lista de serviços disponibilizados na plataforma Meu INSS é extensa, abrangendo alternativas como solicitação de benefícios e documentos, consultas, entre outros. Veja, a seguir, o que é possível acessar na ferramenta:

  • Agendamentos de atendimento;
  • Realização de solicitações, como revisão de benefício;
  • Pedido de aposentadoria;
  • Simulação de aposentadoria;
  • Cumprimento de exigências de agências do INSS;
  • Consulta de benefícios;
  • Extrato de imposto de renda;
  • Solicitação de pensão por microcefalia;
  • Declaração de beneficiário do INSS;
  • Extrato de pagamento de benefícios;
  • CNIS – Cadastro Nacional de Informações Sociais (extrato de pagamentos de contribuições);
  • Extrato de empréstimo;
  • Consulta de resultado de benefício por incapacidade;
  • Agendamento de perícia em agência do INSS;
  • Pedido de benefício assistencial;
  • Obtenção de cópias de processo;
  • Abertura de processo de recurso;
  • Emissão de CTC (Certidão de Tempo de Contribuição);
  • Solicitação de carta de concessão;
  • Rotinas envolvendo empréstimo consignado (bloqueio e desbloqueio);
  • Consulta do calendário de pagamento;
  • Verificação da autenticidade de documentos;
  • Emissão de GPS (Guia de Pagamento);
  • CAT (Comunicação de Acidente de Trabalho).

É importante mencionar que esses são alguns dos serviços disponibilizados. Para verificar todos eles, é só acessar a plataforma Meu INSS, realizar um cadastro e navegar pelas funções da ferramenta.

Como usar o Meu INSS?

O Meu INSS é uma plataforma simples de ser utilizada, com navegação simplificada. A seguir, indicamos como acessá-la e como usá-la. Confira:

  • Acesse a plataforma Meu INSS;
  • Faça um cadastro inicial informando seu CPF, nome completo e data de nascimento;
  • Responda as perguntas feitas pela plataforma, para autenticação digital do usuário;
  • Cadastre uma senha de acesso.

Assim que realizar o cadastro já será possível navegar pela plataforma e utilizar seus serviços. Na página inicial, há uma seção com os serviços mais utilizados. Caso o seu não apareça nessa lista, utilize o campo de busca para encontrá-lo.

Para isso, basta digitar palavras-chave associadas ao serviço que deseja realizar, como “aposentadoria”, “auxílio doença”, “pensão por morte”, “salário maternidade”, “procuração”, entre outras.

Depois, clique no serviço de sua preferência e siga as recomendações dadas na página para utilizá-lo. Quaisquer novidades sobre o andamento do processo serão comunicadas via e-mail informado no cadastro, mas o usuário também pode verificar a plataforma regularmente para realizar consultas.

Consulta Meu INSS

A consulta de andamento de processos pode ser realizada no Meu INSS com total praticidade. Acompanhe, abaixo, um passo a passo para fazer essa verificação:

  • Acesse o Meu INSS informando seu CPF e senha;
  • No campo de pesquisa, digite “consulta”;
  • Selecione “consulta de andamento” ou “consulta de revisão de benefício”;
  • Siga as orientações dadas na página.

É importante ressaltar que durante a consulta dados pessoais e do processo podem ser solicitados, portanto, procure tê-los em mãos para agilizar a realização do serviço.

O Meu INSS é pago?

Uma das principais dúvidas envolvendo o Meu INSS é se a plataforma de serviços é paga. A boa notícia é que a ferramenta é totalmente gratuita, seja na versão desktop ou aplicativo. Para utilizá-la, basta estar conectado à internet.

O que fazer em casos de problemas de acesso?

Se enfrentar problemas de acesso no Meu INSS, consulte a seção de FAQ (dúvidas frequentes) para saná-los. Caso não consiga solucioná-los, entre em contato com o INSS pelo telefone 135 (ligação gratuita, desde que seja feita por telefone fixo).

Deixe seu comentário