IPVA SC 2021 Detran – Valores, calendário e como consultar

Como bem sabemos, proprietários de veículos automotores brasileiros têm uma série de tributos para pagar anualmente. O principal deles é o IPVA, que é cobrado da maior parte dos veículos em atividade no país, e neste texto vamos conferir informações sobre este imposto em Santa Catarina (SC) em 2021.

Sendo assim, para catarinenses proprietários de carros, motos, caminhões ou algum outro veículo, o texto a seguir irá responder algumas das principais perguntas referentes ao IPVA SC 2021.

ipva sc

Quem deve pagar o IPVA SC 2021?

O Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) é cobrado todos os anos de pessoas de todo país que tenham um veículo automotor em seu nome. O pagamento do imposto é obrigatório, e o valor arrecadado é utilizado pelos governos estaduais e municipais para melhorias na mobilidade urbana.

Além disso, cabe destacar que o IPVA SC 2021 é cobrado por veículo e não por proprietário. Isso quer dizer que as pessoas que têm mais de um carro na garagem, por exemplo, devem pagar o imposto referente a cada um deles.

Entre os veículos que devem pagar o IPVA SC 2021, podemos destacar:

  • Carros de passeio e utilitários;
  • Motocicletas e triciclos;
  • Caminhões;
  • Ônibus, micro-ônibus e motorhomes; entre outros.

Um dos fatores que determinam o valor do IPVA em todo o Brasil é a alíquota aplicada para cada tipo de veículo. Cada estado aplica uma política diferente de valores de alíquotas, e no próximo tópico nós vamos conferir como funciona em Santa Catarina.

Valor do IPVA SC 2021

Para calcular o valor do IPVA de cada veículo, é necessário considerar dois fatores: seu preço de venda de venda conforme a Tabela FIPE e o percentual da alíquota de sua categoria.

Em Santa Catarina, os valores de alíquota de cada tipo de veículo são os seguintes:

  • Veículos de passeio, utilitário e motorhomes – 2%;
  • Motocicletas, triciclos e veículos de transporte de carga ou passageiros – 1%;
  • Veículos de locação, e pertencentes ou arrendados por locadoras de veículos – 1%.

Portanto, para calcular o valor do IPVA SC 2021 do seu veículo, basta multiplicar o percentual relativo à categoria dele pelo seu valor na Tabela Fipe.

Para conferir o valor de venda do seu veículo, basta acessar o site da Tabela FIPE por meio deste link. Em seguida, selecione o menu de consulta relativo à categoria do veículo e informe os dados solicitados.

Com os valores de venda e da alíquota em mãos, você pode estipular quanto deve ser cobrado de IPVA SC 2021 do seu veículo multiplicando um valor pelo outro.

Exemplo: vamos supor que você tenha um carro avaliado em R$ 20.000,00 na tabela FIPE. Sabemos que a alíquota para veículos de passeio em Santa Catarina é de 2%. Portanto, basta fazer 20.000 x 2%. Nesse caso, o resultado seria R$ 400,00 de IPVA.

Veículos isentos

Assim como nos demais estados brasileiros, há veículos que são isentos do pagamento de IPVA em Santa Catarina.

No caso dos veículos antigos, a maior parte dos estados isenta aqueles que tem mais de 15 anos de fabricação. Em alguns casos, como no Paraná e em São Paulo, a isenção é para veículos com mais de 20 anos. Mas em Santa Catarina, o valor é ainda mais alto: 30 anos ou mais para ter direito à isenção de IPVA.

Além dos veículos com mais de 30 anos de fabricação, outros que não precisam pagar o IPVA SC 2021 são:

  • Veículos de pessoas portadoras de deficiência e de APAEs;
  • Táxis e veículos de transporte urbano, como ônibus e vans;
  • Veículos diplomáticos, de entidades sindicais, e de instituições religiosas;
  • Corpo de bombeiros;
  • Maquinários agrícolas.

Calendário de pagamento do IPVA SC 2021

Para realizar o pagamento do IPVA 2021, os contribuintes catarinenses devem seguir uma tabela que segue conforme o final da placa de seus veículos. O imposto pode ser pago em três parcelas ou em cota única, ou seja, à vista.

O calendário de pagamentos do IPVA SC 2021 ainda não foi disponibilizado, por isso vamos usar o do ano anterior como base. Em 2020, os vencimentos para quem pagou parcelado ficaram para o dia 10 de cada mês. Veja a seguir quais foram os meses determinados para cada final de placa:

  • Final de placa 1 – vencimentos em janeiro, fevereiro e março;
  • Final  2 – fevereiro, março e abri;
  • 3 – março, abril e maio;
  • 4 – abril, maio e junho;
  • 5 – maio, junho e julho;
  • 6 – junho, julho e agosto;
  • 7 – julho, agosto e setembro;
  • 8 – agosto, setembro e outubro;
  • 9 – setembro, outubro e novembro;
  • 0 – outubro, novembro e dezembro.

Enquanto isso, para os contribuintes que optaram por pagar em cota única, os vencimentos ficaram para o último dia do mês que seria paga a primeira parcela. Ou seja, veículos com final de placa 1 ficaram com vencimento para 31 de janeiro, final de placa 2 para 28 de fevereiro, 3 para 31 de março, e assim por diante.

Como consultar a situação do veículo?

Para consultar o valor do IPVA SC 2021 e outros débitos relacionados ao seu veículo, basta acessar a plataforma da Secretaria de Estado da Fazenda (SEF) de Santa Catarina. O procedimento é o seguinte:

  • Clique aqui para acessar o site da SEF;
  • No menu “Serviços Relacionados”, selecione a opção “Consulta Valor de IPVA (por placa ou RENAVAM)”;
  • Em seguida, selecione “Clique aqui para acessar”;
  • Digite o número da placa e do Renavam do seu veículo, e clique em OK.

Na página seguinte, você terá acesso às informações sobre o seu veículo, como valor do IPVA 2021, de licenciamento, além de eventuais outros débitos para pagar. Além disso, também é nesta plataforma que você pode tirar a 2ª via do IPVA SC 2021.

A guia de pagamento pode ser quitada nos seguintes bancos autorizados: Banco do Brasil, Caixa, Bradesco, Itaú ou Santander.

Mas se você ainda tiver dúvidas, pode entrar em contato diretamente com o Detran-SC por meio do telefone (48) 3664-1800. O atendimento é de segunda a sexta, das 08h30 às 17h.

Felipe Matozo
Estudante de Jornalismo no Centro Universitário Internacional Uninter e ator profissional licenciado pelo SATED/PR. Ligado em questões políticas e sociais, busca na arte e na comunicação maneiras de lidar com o incômodo mundo fora da caverna.

Deixe seu comentário