IPVA 2021 Detran PR – consulta e valores

O IPVA PR é uma das principais dívidas a serem pagas por proprietários de veículos no estado do Paraná. Trata-se do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores, que tem como finalidade arrecadar verba para prestação de serviços públicos.

Aqui, você confere como consultar o IPVA 2021 Detran PR, valores, entre outras informações importantes sobre um dos principais impostos anuais. Continue a leitura!

Como consultar o IPVA 2021 Detran PR

Existem duas formas de consultar o IPVA 2021 para verificar valores e débitos: no site do Detran PR e no da Secretaria da Fazenda do Estado. Abaixo, indicamos como realizar esses serviços:

Consulta IPVA Detran PR

  • Acesse a página de consulta consolidada do veículo no site do Detran PR;
  • Informe o Renavam e o conteúdo da imagem de controle;
  • Clique em “pesquisar”;
  • Selecione “IPVA”.

Um detalhe importante: a página de resultados exibirá informações sobre todas as taxas inerentes ao veículo. Portanto, além da situação e valor do IPVA 2021 também será possível verificar dados sobre licenciamento, multa, entre outros.

Consulta IPVA PR Secretaria de Fazenda do Estado

  • Acesse a página de consulta a débitos do IPVA no site da Secretaria da Fazenda do Estado;
  • Informe o Renavam, data de pagamento e conteúdo da imagem de controle;
  • Clique em “consultar”.

O que é o Renavam?

Renavam é o Registro Nacional de Veículos Automotores, código que é solicitado em quase todos os serviços online do Detran PR. É uma espécie de RG do veículo, registrando dados essenciais sobre ele.

Mas, onde obter o Renavam? O código está localizado no canto superior do CRLV, o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo, documento de porte obrigatório.

Como pagar o IPVA 2021 Detran PR

Já conhece como consultar o IPVA 2021, mas não como pagá-lo? Então, saiba que o processo é extremamente fácil e rápido. São disponibilizadas três formas de pagamento:

GR-PR

Trata-se da Guia de Recolhimento do Estado do Paraná, que pode ser paga em bancos credenciados, como Bradesco, Banco do Brasil, Bancoob, Rendimento, Santander, Sicredi e Itaú. Veja, a seguir, como emitir a GR-PR:

  • Acesse a página de emissão de GR-PR no site da Secretaria da Fazenda do Estado;
  • Selecione “IPVA”;
  • Em “código”, selecione a opção que mais se adequa ao seu caso;
  • Clique em “continuar”;
  • Informe o número do Renavam;
  • Selecione se deseja pagar a próxima cota (parcelamento) ou total (pagamento à vista);
  • Indique a data do pagamento;
  • Clique em “continuar”;
  • Revise as informações e confirme para gerar a GR-PR.

Ficha de compensação bancária

A ficha de compensação bancária é válida somente para o pagamento do IPVA do ano vigente. Neste caso, o IPVA pode ser quitado em praticamente todos os bancos da rede credenciada, menos no Banco do Brasil.

Mas, como obter uma ficha de compensação? Simples: é possível emiti-la na página de extrato de débitos do Detran PR. Basta informar o Renavam e acessar o menu IPVA para emitir o documento.

Renavam

Esta é a alternativa mais simples e rápida de todas: basta informar o Renavam do veículo em uma das agências dos bancos credenciados, menos o Banco do Brasil.

Em todos os casos, o IPVA 2021 pode ser pago em cota única (à vista) ou parcelado em até três vezes. No pagamento à vista há desconto de 3%. Já no a prazo, não se tem abatimentos.

Calendário de vencimento do IPVA 2021 Detran PR

As datas de vencimento do IPVA são estabelecidas de acordo com o final da placa dos veículos. Todos esses prazos são divulgados em um calendário, que é liberado no site da Secretaria da Fazenda do Estado.

O calendário de 2021 ainda não foi liberado, mas a previsão é que as datas de vencimento do IPVA PR sejam semelhantes às de anos anteriores, indo de janeiro a março.

Complicações pelo não pagamento do IPVA

Não pagar o IPVA gera duas complicações para o proprietário do veículo. Uma delas é o aumento da dívida, uma vez que sobre o valor do IPVA há incidência de juros e multa em caso de atrasos.

Outra complicação é a impossibilidade de realizar o licenciamento anual, que é um processo obrigatório para renovação do CRLV. Se este documento estiver vencido, o veículo não pode circular.

Caso o motorista seja flagrado dirigindo um veículo não licenciado, recebe punições como multa, acúmulo de pontos em carteira e pode ter seu automóvel apreendido.

Flavio Carvalho
Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.

Deixe seu comentário