IPTU 2022 Joinville (SC) – Consultar Valor, Pagamento e 2ª Via

O IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) de Joinville (SC) é um tributo obrigatório que deve ser pago por quase todos os proprietários de imóveis na cidade.

A finalidade do imposto é arrecadar dinheiro aos cofres públicos para prestação de serviços como os de saúde, educação, saneamento básico e segurança pública.

Aqui, você confere todos os detalhes sobre o IPTU 2022 Joinville (SC), com dados sobre consulta de valor, pagamento e como obter a 2ª via do boleto!

iptu

Como consultar o valor do IPTU 2022 Joinville (SC)

A consulta do valor do IPTU 2022 Joinville (SC) pode ser feita online, no site da prefeitura. Para isso, basta seguir este passo a passo:

  1. Acesse a página de emissão de relatórios de débitos, no site prefeitura;
  2. Clique em “acesso rápido”;
  3. Informe seu CPF ou CNPJ, ano e situação do débito;
  4. Clique em “consultar”.

Pronto! O valor do IPTU Joinville de 2022 será exibido, com informações sobre pagamento, como data máxima para quitar a dívida.

Como pagar o IPTU Joinville (SC)?

O IPTU Joinville 2022 pode ser pago à vista ou parcelado. Caso opte pelo pagamento à vista, poderá ter desconto de 10% se efetuar o pagamento até 10 de janeiro.

Depois desse prazo, também dá para ter desconto no pagamento à vista! Se pagar até 10 de fevereiro, o valor total do imposto tem um abatimento de 8%.

Caso queira parcelar, o vencimento da primeira parcela é no dia 10 de janeiro e não há desconto sobre o valor nessa modalidade de pagamento.

O contribuinte pode pagar o imposto na rede bancária credenciada. Se optar pelo pagamento presencial, deverá se dirigir a um destes bancos:

  • Caixa Econômica Federal;
  • Banco do Brasil;
  • Bradesco;
  • Sicoob;
  • Ailos;
  • Sicredi;
  • Casas lotéricas.

Prefere fazer o pagamento pela internet? Então, dá para usar o internet banking e o aplicativo dos seguintes bancos:

  • Caixa Econômica Federal
  • Banco do Brasil;
  • Bradesco;
  • Sicoob;
  • Ailos;
  • Sicredi.

No caso do pagamento presencial, é obrigatório estar com o boleto impresso. Se pagar pelo internet banking ou aplicativo, basta informar o código de barras do boleto.

Como emitir a 2ª via de boleto IPTU Joinville (SC)

É simples obter a segunda via do boleto IPTU Joinville (SC), é só emitir o documento online. Abaixo, apresentamos um passo a passo de como gerar o boleto:

  1. Acesse o site de emissão da 2ª via do carnê do IPTU Joinville;
  2. Clique em “acesso rápido”;
  3. Informe o CPF ou CNPJ do proprietário, bem como o número de inscrição do imóvel;
  4. Clique em “login”;
  5. Acesse o IPTU de 2022;
  6. Gere o boleto, imprima ou salve em seu dispositivo.

Realize o pagamento do imposto dentro da data de vencimento indicada no boleto. Assim, evita-se o crescimento da dívida e complicações com a prefeitura.

O que acontece se não pagar o IPTU?

A princípio, a dívida cresce, pois há a incidência de multas e juros sobre o total do imposto. Se o IPTU permanecer em aberto por um ano, a prefeitura pode inscrever o débito na dívida ativa.

Isso quer dizer que há incidência de uma multa extra de até 40% do valor do imposto, além da impossibilidade de realizar alguns serviços públicos e de assumir cargos em órgãos do governo.

Quem não paga o IPTU não pode vender o imóvel e corre o risco de ter o bem apreendido para quitar o imposto. Depois da venda do imóvel por leilão, a prefeitura fica com parte do dinheiro para pagar o IPTU em aberto. Se sobrar algo, o dinheiro é encaminhado ao proprietário.

Isenção do IPTU Joinville (SC)

A prefeitura isenta o IPTU Joinville para contribuintes que cumprem requisitos pontuais. Veja, a seguir, alguns dos principais:

  • Ser aposentado, beneficiário de renda mensal vitalícia ou pensionista do INSS;
  • Não ter outro imóvel em Joinville;
  • Usar o imóvel como residência;
  • Possuir renda mensal de até 3 salários mínimos vigentes;
  • Ter imóvel com valor venal dentro do limite definido para o ano de 2022.

Estes são os requisitos principais, mas há outros. Para conhecer todos, consulte a prefeitura! A solicitação da isenção deve ser feita na prefeitura no prazo indicado pelo órgão e com a apresentação da documentação que comprove o direito ao benefício.

Flavio Carvalho
Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.

Deixe seu comentário