INSS cortará benefício de quem não fizer a prova de vida

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) comunicou nesta semana que a necessidade de prova de vida voltará a ser obrigatória para a manutenção de benefícios a partir de dezembro. A previsão do instituto é que o processo seja realizado gradativamente para evitar aglomeração nos bancos.

A obrigatoriedade de prova de vida do INSS, que é feita desde 2012,  havia sido suspensa entre os meses de março a outubro devido à pandemia da Covid-19. O órgão ainda prorrogou o prazo sem a necessidade da comprovação de vida até o final de novembro por meio da portaria 1.053 publicada no Diário Oficial da União (DOU) no último dia 15 de outubro.

No entanto, com o prazo do adiamento chegando ao fim, o instituto explica que as avaliações de prova de vida podem ser realizadas antes do prazo nos bancos em que o beneficiário está cadastrado, evitando a superlotação conforme vai se aproximando do prazo final.

O não comparecimento do beneficiário na prova de vida acarretará cancelamento do benefício, seja ele aposentadoria, pensão, ou qualquer outro disponibilizado pelo INSS.

Prova de vida voltará a ser obrigatória a partir de dezembro. | Foto: Marcelo Casal Jr. Agência Brasil
Prova de vida voltará a ser obrigatória a partir de dezembro. | Foto: Marcelo Casal Jr. Agência Brasil

Prova de vida nos bancos

Mesmo com a não obrigatoriedade temporária da prova de vida para beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), as redes bancárias credenciadas com o instituto para a realização do provento estão realizando normalmente a comprovação de que o contribuinte ainda esteja vivo.

Banco do Brasil

O beneficiário, seu procurador ou representante legal, deverá comparecer à agência para digitação da senha cadastrada do beneficiário ou a realização de captura da biometria do mesmo. O banco também disponibiliza a opção da utilização da biometria para a prova de vida nos terminais de autoatendimento.

Bradesco

A comprovação de vida do beneficiário está sendo realizada normalmente nas agências do banco. O Bradesco também disponibiliza a opção de realização do procedimento comprovatório utilizando postos de autoatendimento e caixas eletrônicos 24 horas por meio da biometria do beneficiário.

Caixa

A Caixa Econômica Federal está disponibilizando a realização da prova de vida somente por meio da agência bancária. O atendimento está sendo realizado no horário normal de expediente, das 8h às 12h.

Itaú

Assim como os outros bancos, o Itaú está realizando a comprovação de vida em suas agências bancárias. O diferencial do banco é que o mesmo está contando com um horário exclusivo para aposentados, pensionistas e demais grupos de risco da Covid-19, sendo das 9h às 10h.

Santander

A renovação da prova de vida poderá ser feita por meio da agência em contato com o gerente ou via caixa eletrônico por meio da biometria do beneficiário. Algumas agências do banco estão disponibilizando o horário das 9h às 10h como exclusivo para idosos, gestantes e deficientes, a fim de evitar a aglomeração destes grupos.

Não consigo ir ao banco realizar a prova de vida, e agora?

Os beneficiários que não conseguirem ir à agência bancária ou ponto de autoatendimento para comprovação da prova de vida por motivos de doença ou impossibilidade de locomoção, poderão realizar a prova por um procurador devidamente cadastrado no INSS, o que pode ser consultado pelo aplicativo do INSS.

Neste caso,  a realização da prova de vida de beneficiários com idade igual ou superior a 60 anos por meio do procurador, conforme portaria do INSS, será permitido até 23 de novembro de 2020, desde que as procurações contenham as informações indicadas na citada portaria.

Ruan Felipe
Formado em Jornalismo pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná e pós-graduando produção em cinema e mercado audiovisual. Editor e diagramador nas horas vagas.

Deixe seu comentário