CPF na Nota: Vantagens e Desvantagens. Como usar a seu favor

Cadastrar o CPF na nota fiscal pode te trazer diversas vantagens. Ao realizar o cadastro, você pode concorrer a sorteios, premiações e também ter maior controle sobre as suas compras.

Toda vez que um cliente cadastrar o CPF na nota fiscal, o Governo Federal garante mais controle sobre sonegação de impostos, o que faz com que o recolhimento das taxas seja direcionado de forma correta. 

Atualmente, é possível cadastrar o CPF na nota fiscal em programas estaduais e municipais. Mas você conhece as vantagens de cadastrar o CPF na nota fiscal? Se ainda não conhece, continue lendo para entender mais.

Como cadastrar o CPF na nota fiscal

É muito fácil cadastrar o CPF na nota fiscal, por exemplo:

  • Pesquise por “Cadastrar CPF na nota fiscal”, seguido do UF do seu estado;
  • Entre no link oficial do governo do estado em que você reside;
  • Insira os dados pedidos no formulário e pronto, você está cadastrado.

Ao fazer cadastro do CPF na nota fiscal, você terá acesso à plataforma da campanha do seu estado. Você poderá acessar o sistema quantas vezes quiser para se informar sobre sorteios, premiações, benefícios, além de acompanhar seus gastos e até solicitar créditos.

Mas fique atento para não acessar sistemas falsos. Sempre pesquisa pelo site da prefeitura da sua cidade ou pelo governo do seu estado. Nunca insira seus dados em plataformas duvidosas para não cair em golpes.

E lembre-se: após realizar o cadastro do CPF na nota fiscal, sempre informe seus dados aos atendentes de caixas, lojas ou em qualquer compra que for solicitada. Isso garante sua participação na campanha.

cadastrar o cpf na nota fiscal

Vantagens de cadastrar o CPF na nota fiscal

Existem diversas vantagens aos consumidores que cadastram o CPF na nota fiscal. Selecionamos os principais benefícios que são concedidos a estes usuários. Confira:

  • Abatimento de impostos futuros: a cada compra feita com o CPF cadastrado na nota fiscal, é acrescentado um valor em créditos que o consumidor pode escolher como utilizar; uma das opções é o abatimento de encargos como IPVA, IPTU, etc;
  • Sorteios e premiações: ao cadastrar o CPF na nota fiscal, o consumidor tem direito a participar de sorteios mensais. Quanto mais notas cadastradas, mais chances o usuários tem de ser premiado. Além disso, existem estados e municípios que possuem programas de gratificações promocionais, como vale-compras e descontos;
  • Saque de créditos: Caso o usuário não queira trocar seus créditos pelo abatimento de impostos, é possível sacar a bonificação da nota fiscal. Basta solicitar no sistema a transferência do dinheiro para sua conta corrente. Mas fique atento, pois os créditos expiram rapidamente. 

Além disso, ter o CPF cadastrado na nota fiscal diminui as chances de complicações fiscais, pois garante que o consumidor está cumprindo suas obrigações fiscais. Com as notas cadastradas, também fica mais fácil reunir comprovantes para contestar alguma cobrança indevida, por exemplo.

Com o cadastro, também é possível ter maior controle financeiro, que garante maior organização. Isso porque o consumidor tem acesso a todas as suas notas para conferir cada compra, quanto gastou, etc.

Viu como é simples cadastrar o seu CPF na nota fiscal?! Além de garantir vantagens pessoais, você ainda ajuda o governo a manter controle sobre a sonegação de impostos. No fim das contas, todos saem ganhando.

Avatar
Jornalista formada pela Universidade Luterana do Brasil de Canoas/RS.

Deixe seu comentário